A VSF NAS JORNADAS SOBRE “CONTROLO POPULACIONAL DE CÃES E GATOS”, ÉVORA, 27 E 28 DE OUTUBRO, 2018

Os VSF foram convidados a estar presentes e apresentar resultados do seu trabalho nas Jornadas dedicadas a “CONTROLO POPULACIONAL DE CÃES E GATOS” que se realizaram nas instalações do Pólo da Mitra da Universidade de Évora no fim de semana de 27 e 28 de Outubro. Foram umas jornadas muito interessantes com partilha de experiências num tema que preocupa os médicos veterinários em geral e, em particular, os que trabalham para as autarquias e têm o controlo populacional de cães e gatos à sua responsabilidade. Foi ainda uma excelente oportunidade para dar a conhecer os projetos que os VSF têm desenvolvido desde 2010, tanto em Cabo Verde como em S. Tomé, e para conhecer Karen Hammes que colabora com uma ONGD Suiça no controle de animais errantes em países tão distantes como a Índia e o México. Estamos certos que estes conhecimentos vão ser muito úteis para o futuro dos VSF. Na fotografia estão, da esquerda para a direita, Margarida Câmara, médica veterinária trabalhando no Centro Oficial de Recolha da Câmara Municipal de Évora e organizadora do evento, Karen Hammes e Conceição Peleteiro, da Direção dos VSF.

 

OS VSF RECEBEM APOIO DO GOVERNO AUSTRALIANO EM PROJETO PARA S. TOMÉ

Na sequência do apoio providenciado aos cães do projeto “Bô Caçó”, a Direção submeteu uma candidatura a financiamento pela Australian Aid, num programa gerido através da Embaixada da Austrália. E é com muito prazer que vos anunciamos que o nossa candidatura foi aceite para financiamento. São nossos objetivos:

  1. Assistência aos cães selecionados do projeto “Cães que Ouvem” (agora denominado “Bô Caçó”) com prestação de cuidados básicos de saúde (desparasitação, vacinação, etc.) e conselhos às famílias de acolhimento. A esterilização será efetuada próximo da fase final do treino para não haver interferência no mesmo por os animais estarem a recuperar da cirurgia.
  2. Prestação de cuidados básicos de saúde e esterilização de machos e fêmeas de cães de famílias que aderirem aoprojeto, iniciando os trabalhos no distrito de Água Grande. Prevê-se a execução de cirurgias em 150 animais (5 dias por semana, durante quatro semanas)
  3. Aplicação de tratamentos para a sarna sarcótica estimando-se vir a tratar 150 a 200 animais.
  4. Realização de ações de divulgação junto da população em geral com a colaboração da Direção Geral de Pecuária promovendo a importância de tratar os cães como potencialmente úteis para os agregados familiares, formando ainda no reconhecimento de comportamentos de ameaça. Estima-se que 200 a 300 famílias possam ser abrangidas.

 

Estamos muito gratos ao Governo Australiano, e estamos certos que este projeto vai ser fulcral para a melhoria das condições de vida da população e dos cães em S. Tomé.

 

A ASSOCIAÇÃO VSF APOIA O PROJETO “CÃES QUE OUVEM” E JÁ ESTÁ EM S.TOMÉ

Recordando uma pequena notícia que divulgámos há uns meses atrás sobre o projeto “Cães que Ouvem”, é com muita satisfação que damos notícias aos VSF. O projeto na sua construção em Portugal acabou por sofrer a alteração do nome para “Bô Caçó” que em criolo santomense quer dizer “Teu Cão ou Cão de você” , durante a formação da equipa cinotécnica surgiram mais e melhores ideias para o futuro. Neste momento, a equipa está a trabalhar para a sustentabilidade do projeto por ter revelado ser uma mais valia para a sociedade santomense.

A voluntária VSF, a Mafalda Iria, já teve uma intervenção importante na assistência aos cães da “Bô Caçó”. Vejam na foto que juntamos numa sessão realizada com a ajuda do Sebastião Palha, o professor de língua gestual. Na fotografia de grupo, à esquerda quase a sair do enquadramento está António Ferreira, o treinador dos cães e autor do projeto, também presente na fotografia em que é acompanhado por um dos cães do treino.

 

 

 

 

 

Volunteer and a donation to Africa

Today, September 13, 2018, our Volunteer Mafalda Iria travelled to S. Tomé to collaborate with the project “Dogs that Listen” and with the local authorities (Direção Geral de Pecuária), in order to provide veterinary assistance to pet animals and to livestock. Throughout her stay, Mafalda will collaborate with local veterinarians. For this mission, VSF-Portugal benefited from donations of veterinary products from ZOETIS and ECUPHAR, as well as money donations from clinics acquired during the campaign “Vaccination for Africa” (14th to 22nd July)). The picture shows the material that was donated. Our sincere thanks are due to all that collaborated directly or indirectly to the success of this Mission.

Manuel Malta – VSF Member Always

Two years, on July 13th, Manuel Malta left us! We are sure that he would be very proud to see his example motivating his collegues veterinarians to pursue with the goals of ‘Veterinários sem Fronteiras – Portugal’.
When we see the photographs of the missions Manuel has headed in Cape Verde and S. Tome, and there were many, we are immensely pleased to realize how Manuel was a very important pillar in the creation and credibility of VSF-PORTUGAL!

Manuel will always be with us!!

VSF receberam a WACT – We Are Changing Together.

Hoje, dia 30 de Maio de 2018, os Veterinários Sem Fronteiras de Portugal tiveram o prazer de receber a organização WACT – We Are Changing Together. A Joana Cerejo da WACT fez uma pequena apresentação da organização e do seu trabalho em Portugal e em São Tomé e Príncipe e o António Ferreira, apresentou o testemunho pessoal de quem está neste momento a implementar o seu projeto de empreendedorismo social envolvendo treino de cães por meninos surdos. Os VSF já estão a participar  neste projectos da associação e pretendemos incrementar no futuro a nossa participação.

Saibam mais no website da WACT e contactem os VSF para saber como estamos a participar em conjunto.

Dr. Luís Montenegro nomeado sócio honorário dos VSF.

 

Na Assembleia Geral do dia 22 de Março de 2018, por proposta da Direção aprovada por unanimidade, o Dr. Luís
Montenegro foi nomeado sócio honorário da Associação Veterinários sem Fronteiras Portugal. Segundo os Estatutos da VSF-Portugal, Associados Honorários são pessoas individuais ou coletivas que se distingam de
forma particular pelo seu desempenho na prossecução dos objetivos da VSF-Portugal (alínea b, do ponto 2 do Artigo 5º). O Dr. Montenegro tem sido um sócio sempre atento e incansável em providenciar aos VSF Portugal condições de trabalho e visibilidade que muito têm ajudado a Associação e que esperamos continuem a ajudar no futuro. A cedência de espaço livre de custos nas já muitas das edições do Congresso do
Hospital do Montenegro e a disponibilidade para formação de voluntários são apenas alguns dos exemplos da sua atuação a favor dos VSF-Portugal.

 

VSF Takeover

 

Members of the Direction and President of the General Assembly, from left to right, Anabela Moreira, Sameiro de Sousa, Conceição Peleteiro, Ana Batalha, Carlos Agrela Pinheiro.

 

 

 

 

 

Members of the General Assembly, from left to right, Catarina Vieira, Sameiro de Sousa, Manuela Oliveira.

 

 

 

 

 

 

 

 

Members of the Fiscal Council and President of the General Assembly ( center), from left to right, Márcia Viana, Sameiro de Sousa and Margarida Simões.